terça-feira, 9 de setembro de 2008

flexibilidade,velocidade,agilidade,força,aeróbica,anaeróbica e resistência muscular

Flexibilidade:A flexibilidade apresenta várias definições, a saber: é a capacidade de realizar movimentos em certas articulações com amplitude de movimento adequada e flexível e facilmente flexionada sem tendência para se romper.De acordo com CORNU, MAIETTI E LEDOUX (2003), a flexibilidade é avaliada ao testar o ângulo articular passivo (rigidez articular passiva) e o ângulo articular alcançado pela contração (rigidez articular ativa), mediante amplo alcance de movimento. flexibilidade refere ao grau de mobilidade passiva do corpo com restrição própria da unidade músculo-tendínea ou de outros tecidos corporais. Ela tem sido mensurada pelo alcance do movimento articular e sua alteração tem sido acreditada originar-se da rigidez do tecido.

velocidade:HOLLMANN, citado por BARBANTI (1996, p. 68) define velocidade como a "máxima rapidez de movimento que pode ser alcançada". "Velocidade é a capacidade, com base na mobilidade dos processos do sistema nervo-músculo e da capacidade de desenvolvimento da força muscular, de completar ações motoras, sob determinadas condições, no menor tempo. Velocidade é a capacidade de executar ações motoras de maneira mais rápida possível, em determinadas capacidade psicofísica que se manifesta por completo em ações motrizes, onde o rendimento máximo não seja limitado pelo cansaço.A velocidade é dividida em: velocidade de reação, velocidade de movimentos acíclicos, velocidade de locomoção (máxima) e velocidade de força (BARBANTI, 1996). Para WEINECK (1991), a velocidade se divide em: velocidade de reação, velocidade acíclica e cíclica e velocidade de deslocamento. Velocidade de reação é o tempo gasto entre a resposta (movimento) muscular e o estímulo ou sinal recebido pelo organismo (STEINBACH, citado por BARBANTI, 1996). Para GARCIA, MUIÑO e TELEÑA (1977), é a resposta inicial a um estímulo, começo do movimento. Para BARBANTI (1996), velocidade de movimentos acíclicos é a rapidez dos movimentos com mudanças de direção, também conhecida como agilidade; velocidade de locomoção é conhecida como velocidade máxima ou velocidade de sprint, isto é, a velocidade máxima que pode ser empregada em qualquer movimento; velocidade de força é a capacidade de executar movimentos rápidos contra resistências específicas.

Agilidade:A agilidade se refere à capacidade do atleta de mudar de direção de forma rápida e eficaz, mover-se com facilidade no campo ou fingir ações que enganem o adversário a sua frente" (BOMPA, 2002, p. 51). Segundo RIGO (1977), agilidade é a movimentação do corpo no espaço, ou seja, movimentos que incluam trocas de sentido e direção. Para BARBANTI, é a "capacidade de executar movimentos rápidos e ligeiros com mudanças de direção". a agilidade é "uma variável neuro-motora caracterizada pela capacidade de realizar trocas rápidas de direção, sentido e deslocamento da altura do centro de gravidade de todo corpo ou parte dela".equilíbrio, força, coordenação e resistência são componentes necessários da agilidade, muitas definições colocam a agilidade como inserida na velocidade, diferenciando-se apenas quanto às mudanças de direção.A agilidade no futebol é a habilidade para mudar os movimentos o mais rápido possível frente a situações imprevisíveis, tomando rápidas decisões e executando ações de modo eficiente.Treinamento da agilidade"A agilidade desenvolve-se por meio de exercícios que exigem uma inversão rápida dos movimentos com participação de todo o corpo. Para os jogadores de futebol, o treinamento da agilidade é ótimo para melhorar os níveis de habilidade.O treinamento da agilidade, durante a pré-temporada, deveria ser realizado de duas a três vezes por semana e, durante a temporada, uma ou duas vezes por semana.

Força:o treinamento de força como essencial no desenvolvimento do indivíduo, pois se não estimulados quando jovens, talvez não alcance seu capacidade potencial de desempenho. Weineck coloca que, o treinamento de força deve ser realizado em todas as faixas etárias respeitando sempre as cargas adequadas à cada idade, até porque a criança e o adolescente tem menor capacidade de suportar carga.Estudos realizados nos Estados Unidos com vários grupos de pré-adolescentes utilizando programas variados, inclusive adaptados para faixa etária, demonstrou um ganho de força considerável naqueles que adotaram uma média duração e intensidade, freqüência e técnicas de execução relativas ao treinamento de adultos,que situa a faixa etária estudada como propícia ao treinamento de força, já que nesta fase existe um aumento de força natural, estes treinamentos devem sempre evitar a sobre carga atuando sobre a coluna vertebral. Esta sobre carga na coluna vertebral deve ser evitada, pois podem causar alterações negativas.

Aeróbica:aeróbica, em sentido amplo, é uma combinação de ginástica clássica com dança. É um treinamento dinâmico com movimentos rítmicos flanqueado com música motivadora. Elementos principais da ginástica aeróbica são coordenação motora e fitness.Em sentido estrito, chamamos de Ginástica aeróbica as atividades físicas caracterizadas por movimentos rítmicos e intensos com elevado gasto calórico e de impacto sobre as juntas, movimentos estes causadores de esforço físico que pode ser suprido pela oxigenação normal da respiração, quase sempre acompanhados de música, e que produzem um aumento metabólico e uso de substratosbenéfico ao organismo.Ginástica aeróbica pode ser qualquer atividade física caracterizada pela prática de exercícios isotônicos, ou seja, esforços musculares em que existe a manutenção da tonicidade muscular, com modificação do comprimento e volume muscular na medida do tempo . Geralmente são exercícios em que não há uma exaustão por acúmulo excessivo de ácido láctico, onde o consumo de oxigênio pelo músculo é proporcional, e que por conseguinte o ganho anabólico é menor quando comparamos com os exercícios anaeróbios.Os exercícios aeróbicos usam grandes grupos musculares ritmicamente e continuamente, e elevam os batimentos cardíacos e a respiração durante algum tempo. Pense no exercício aeróbico como sendo longo em duração e baixo em intensidade. Dentre algumas das atividades aeróbicas mais comuns estão: andar, correr, pedalar e remar. Aeróbica significa com ar ou oxigênio. Você deve ser capaz de conversar um pouco durante o exercício aeróbico se sentir vontade. Se você está tendo grandes dificuldades de falar enquanto estiver fazendo a atividade, tendo que puxar e expirar o ar com esforço, você provavelmente está fazendo uma atividade anaeróbica.

Anaeróbica:A habilidade de um indivíduo para executar um exercício está baseado em sua habilidade de processar a devida energia necessária para o exercício. Essa energia pode ser de curta ou longa duração, dependendo da atividade física.exercícios de curta duração que requer energia proveniente do sistema anaeróbico. Embora a contribuição aeróbica seja maior do que a esperada; esses tipos de exercícios são tipicamente denominados de Sistema Metabólico Anaeróbio.Tradicionalmente, exercícios anaeróbicos consistem de vários tipos diferentes de atividades, desde levantamento de pesos até corridas curtas, nos quais a distribuição de oxigênio não é um fator que limite na execução dos exercícios.Definitivamente, exercícios estimula o sistema fisiológico do corpo à adaptações, aumentando a resistência para a execução de exercícios físicos. Programas específicos de preparação física pode focalizar uma grande variedade da abilidade físicas. Desde um atleta preparando-se para executar um único levantamento de peso ou correr uma ultra-maratona.Um dos básicos aspéctos da maioria dos exercícios físicos está relacionados ao melhoramento da abilidade do corpo em ganhar energia para executá-los. Muitas vezes nós tentamos combinar o sistema metabólico do esporte com o estímulo do programa de treinamento. Enquanto isso pode ser uma simplificação de um processo complexo, das salas de musculação para as pistas de corridas, os exercícios físicos são usados para aumentar a quantidade de energia disponível no organismo e sua utilização pelo mesmo. Uma maneira básica pra entender como o corpo utiliza sua energia é fundamental para o desenvolvimento de específicas atividades físicas.

Resistência Muscular:É o tempo máximo em que um indivíduo é capaz de manter a força isométrica ou dinâmica em um determinado exercício ou capacidade de manter a capacidade contrátil do músculo, É a capacidade de realizar um esforço muscular de média intensidade, variando de 30 a 50% da força máxima, durante um tempo relativamente longo com numerosas repetições um regime cardíaco superior a 150bpm. A crescente demanda pelo treinamento contra resistência(musculação) tem incentivado a procura de parâmetrosbem estabelecidos para a prescrição dos exercícios, otreinamento contra resistência seja parte integrante de umprograma de aptidão física para adultos1 e idosos2. Suasrecomendações incluem pelo menos uma série de oito a 10exercícios para os principais grupamentos musculares, comfreqüência de duas a três vezes por semana. Cada exercíciodeve ser executado com oito a 12 repetições, sendo que,para os mais idosos e frágeis, 10-15 repetições talvez sejammais apropriadas1. Em posicionamento recente sobremodelos de progressão do treinamento contra resistência.

Um comentário:

renan teixeira disse...

Valeu cara, me ajudou muito no trabalho de educação física.